Momento de Reflexão com Pe. Antônio Jackson, SSS

“A porta que Deus abre ninguém fecha e a porta que Deus fecha, mão humana nenhuma consegue abrir…

A palavra do senhor justamente vai nos conduzir na consciência de que o nosso encontro com Deus, nem sempre é um encontro fácil, passamos por sacrifícios, passamos por pedras e espinhos. Não é motivo de achar que, porque eu estou todo dia na igreja, porque eu comungo todo dia ou por que eu faço atos de caridade por amor, que a minha vida vai ser 100% perfeita, nós sabemos que não é assim, ao contrário, às vezes quanto mais o bem eu faço, mais, às vezes, situações difíceis acontecem na nossa vida, porque justamente essa é a lógica.

No caminho da vida, a porta é estreita, é mais fácil eu fazer o mal do que eu fazer o bem… coisa mais fácil é fazer o mal… eu agredir alguém, eu julgar, com a minha língua ferina difamar, criar injúria, calúnia, coisa mais fácil é eu trair minha esposa, meu esposo, trair meus filhos, trair minha família. Coisa mais fácil é ser desonesto, tirar do outro, tirar proveito do próximo, agora, o caminho do bem, a porta que se abre para o bem é difícil, porque que é difícil Padre? porque que as coisas com Deus são difíceis? porque exigem uma postura de vida e que você seja coerente, prudente. Você assumir a missão de estar do lado do bem é difícil, porque é EXIGENTE, não é algo que fica oscilando entre o bem e o mal.

Você é do bem e vai viver o bem, a sua postura, o seu testemunho de vida revelará a força das suas pernas, do seu coração e da sua mente e alma nesse caminho estreito que é a vida. E felizes aqueles que forem até o fim, disse Jesus, sem desistir de alcançar a vida plena neste mundo e no próximo, mesmo com todas as dificuldades.

…Cedo ou tarde, o mal que você praticou ele retorna, porque os nossos atos tem consequências, todos os nossos atos, para o bem ou para o mal, eles tem consequências e esse mal retorna, esse mal prejudica, esse mal danifica, muitas vidas e é verdade que o bem que eu prático, o bem que eu realizo também retorna…. Deus que é fiel, que não esquece nada, recompensa … Ele realiza proezas, como amor como bênção Divina.

Que o Senhor nos ajude a não desistirmos, a entendermos que o caminho fácil, largo é o largo do mundo, mas que tem um preço e o preço do mundo é alto, é sofrimento, é queda, é consciência pesada.
Agora, aqueles que forem perseverantes
que na tribulação não desistirem de Deus e continuarem a fazer o caminho do bem, esse caminho mesmo sendo estreito, te levará a largueza do Espírito, a profundidade da alma, a essência do amor.”

Padre Jackson Frota, sss

https://santuariosetelagoas.com.br/…/celebracao-da-fe-23-0…/

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.